O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Quinta-feira, 28 de Agosto de 2014

Às vezes, acontece-nos como às máquinas. Os seres humanos também avariam, também ficam imobilizados.

Nessa altura, ficamos à espera de que a inércia funcione. Paramos na expectativa de que as coisas venham ter connosco.

Porque é que não lançamos mão do maior património com que o Criador nos dotou: a vontade?

Já Albert Einstein percebera que «há uma força mais poderosa do que a electricidade e a energia atómica: a vontade».

Não esqueçamos que, como notou Witness Lee, «se houver uma vontade, haverá um caminho».

Pode não conduzir à meta desejada, mas, pelo menos, não desiste de tentar alcançá-la.

E mérito não tem só quem consegue. Mérito tem sobretudo quem tenta, quem insiste, quem nunca deixa de persistir!

publicado por Theosfera às 10:40

mais sobre mim
pesquisar
 
Agosto 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9






Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro