O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Terça-feira, 19 de Agosto de 2014

Atenção, muita atenção, aos paradoxos.

A vida visita-nos com muitas surpresas e não raros contrastes.

Ao invés do que possamos pensar, um excesso nem sempre acrescenta. Um excesso, por vezes, apouca, faz encolher.

Confesso-me.

Em jovem, nunca apreciei os formalismos. Sentia-me incomodado e até aprisionado por eles.

Mas o excesso de informalidade, que entretanto alastrou, vai-me fazendo reconhecer a importância de alguma (não muita) formalidade.

Acresce que o excesso de informalidade já não se restringe ao domínio privado. Ele vai invadindo cada vez mais a praça pública.

Há quem ande na rua (quase) como em casa. Há quem vá a uma repartição ou a uma igreja (quase) como vai a uma praia ou a uma esplanada.

Primeiro, ainda se estranhava. Agora, vai-se entranhando cada vez mais.

Dizem que as pessoas estão mais à vontade. Estarão mais felizes?

Um certo aprumo faz falta.

Não cultuo especialmente a aristocracia da linhagem. Mas alguma aristocracia no porte dignifica a pessoa e ilumina a convivência!

publicado por Theosfera às 09:43

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
pesquisar
 
Agosto 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9






Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro