O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Quarta-feira, 29 de Outubro de 2014

Habitualmente, teoriza-se sobre os fundamentos da liberdade, os conteúdos da liberdade e o exercício da liberdade.

Esquecemo-nos, porém, de reflectir sobre os limites da liberdade.

Partimos do princípio de que os limites são um atentado contra a liberdade.

Mas é um equívoco. Os limites da liberdade entroncam no expoente da liberdade.

Os limites da liberdade entroncam a liberdade de cada um no encontro com a liberdade dos outros.

Os limites da liberdade fazem-nos perceber que os outros também são livres.

Pelo contrário, a ausência de limites da liberdade tem o mesmo efeito da ausência de liberdade: arbitrariedade, opressão do fraco pelo mais forte, violência, etc.

Enfim, os limites da liberdade não nos apoucam.

Os limites da liberdade alargam a nossa liberdade e levam-nos a acolher a liberdade dos outros!

publicado por Theosfera às 10:57

De Odisseia na Internet a 29 de Outubro de 2014 às 11:35
A liberdade é apenas poder. Um indivíduo desprovido de poder com a liberdade da sua pessoa adquire esse poder.

De Maria da Paz a 2 de Novembro de 2014 às 01:12
Pertinente, esclarecedor, magnífico. Quanta pertinência e quanta clareza!
Muito bem-haja, Rev.mo Senhor Doutor.
Afectuosamente,
Maria da Paz


mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro