O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Quinta-feira, 26 de Fevereiro de 2015

Não é o ateísmo dos que se assumem como ateus que mais me preocupa.

O que mais me preocupa é o ateísmo de muitos que se dizem crentes.

O problema está mesmo aí: no facto de apenas se dizerem crentes.

Deus verberou sempre tal comportamento: Pela boca do profeta, denuncia: «Este povo honra-Me com os lábios, mas o seu coração está longe de Mim» (Is 29, 13; Mt 15, 8).

É neste sentido que até Deus pode ser considerado «ateu». Porque Ele acaba por ser a maior negação de tantas concepções de Deus que por aí se tecem e apregoam.

Enfim, deixemos que Deus seja o que é. E não nos apeguemos àquilo que imaginamos que Ele seja…

publicado por Theosfera às 10:22

De Anónimo a 26 de Fevereiro de 2015 às 12:49
Se muitos cristãos não fossem ateus não procediam como procedem! Mas, na análise de um qualquer comportamento há que sermos magnânimos. Por de trás daquele quantos problemas, quantas situações interiores mal resolvidas, quantas frustrações ...! Que Deus nos ajude a todos a encontrar o verdadeiro caminho. Como diz o Evangelho: «não julguemos para não sermos julgados, não condenemos para não sermos condenados».\


mais sobre mim
pesquisar
 
Fevereiro 2015
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9




Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro