O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Quinta-feira, 05 de Novembro de 2015

Como toda a gente, também não gosto da «troika».

Os seus métodos são frios, pelo que os seus procedimentos chegam a ser brutais.

Movida por um impulso descontrolado, parece que só sabe avançar. Não consegue parar nem, muito menos, recuar.

Assim sendo, como é possível gostar do programa da «troika»?

O problema é que todos nós precisamos do dinheiro da «troika». Não estamos, pois, em posição de a afrontar.

Se no seu estado normal já é tão severa, o que ela não será se for acossada.

A dolorosa aprendizagem dos outros deve ser um ensinamento para nós. Quem desafiou a «troika» não se saiu bem.

Não sejamos submissos, mas também não enveredemos pela provocação.

Talvez o diálogo possa amenizar a conhecida inflexibilidade «troikiana».

Caso contrário, os que dizemos defender serão os que mais irão sofrer: os pobres!

publicado por Theosfera às 10:18

De Evagrio Pontico a 5 de Novembro de 2015 às 17:20
Infelizmente o que abunda nos políticos é a falta de bom senso, e o que lhes falta é o conhecimento da realidade social e económica do País - e a dose mínima de patriotismo, palavra cujo significado desconhecem...

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2015
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro