O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Quinta-feira, 17 de Novembro de 2011

Nem sempre as qualificações certificam conhecimentos e atestam sabedoria.

 

Às vezes, podem também encobrir ignorância, que, quase sempre, surge travestida de arrogância.

 

Confesso que não gosto de ouvir que esta é a geração mais qualificada de sempre.

 

Há muitos parâmetros para avaliar. Os diplomas não são tudo.

 

Há muita gente diplomada que não sabe quem escreveu «Os Maias» ou «O Evangelho segundo Jesus Cristo». Que acha que Picasso pintou a Mona Lisa. Ou que Maria João Pires é conhecida por tocar trombone.

 

Mas, atenção, no meio do naufrágio, há muita gente nova com enorme qualidade.

 

O panorama não é bom. Mas há clareiras de esperança!

publicado por Theosfera às 10:40

De António a 17 de Novembro de 2011 às 12:53
Também há o reverso da medalha, estimado padre João António: pessoas eruditas e cultas mas que não são sábias. Porém, os sábios, mesmo que não saibam ler nem escrever, são sempre detentores de uma cultura superior: a da Sabedoria.

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro