O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Domingo, 20 de Novembro de 2011

Tu és rei, Senhor, e o Teu trono é a Cruz.

 

Tu és rei, Senhor, e Teu reino é o coração de cada Homem.

 

 Tu és rei, Senhor, e estás presente no mais pequeno.

 

 Tu és rei, Senhor, e estás à nossa espera no pobre.

 

Tu és rei, Senhor, e queres mais o amor que o poder.

 

 Tu és rei, Senhor, e moras em tantos corações.

 

Tu és rei, Senhor, e primas pela mansidão e pela humildade.

 

 Tu és rei, Senhor, e não tens exército nem armas.

 

 Tu és rei, Senhor, e não agrides nem oprimes.

 

Tu és rei, Senhor, e não ostentas vaidade nem orgulho.

 

 Tu és rei, Senhor, e a tua política é a humildade, a esperança e a paz.

 

 Tu és rei, Senhor, e continuas a ser ignorado e esquecido.

 

 Tu és rei, Senhor, e continuas a ser silenciado.

 

Tu és rei, Senhor, e vejo-Te na rua, em tanto sorriso e em tanta lágrima.

 

 Tu és rei, Senhor, e vais ao encontro de todo o ser humano.

 

 Tu és rei, Senhor, e és Tu que vens ter connosco.

 

Hoje, Senhor, vou procurar-Te especialmente nos simples, nos humildes, nos que parecem estar longe.

 

 Hoje, Senhor, vou procurar estar atento às Tuas incontáveis surpresas.

 

 Obrigado, Senhor, por seres tão diferente.

 

 Obrigado, Senhor, por seres Tu!

publicado por Theosfera às 10:28

De Anónimo a 20 de Novembro de 2011 às 18:52
Senhor Doutor,

Sou uma visitante assídua do seu blog. Aqui venho buscar calma e retemperar a esperança.
Agradeço-lhe o bem que me faz.
Não costumo comentar, hoje faço-o para lhe pedir um pequeno esclarecimento.
Por razões pessoais, partcipei esta manhã em duas Missas em dois locais diferentes da nossa cidade. Numa delas, o sacerdote disse: "... em comunhão com o Papa Bento XVI, o nosso Bispo António..." Na outra Missa, o sacerdote disse: "... em comunhão com o Papa Bento XVI, o nosso Administrador Apostólico Jacinto ..." (peço desculpa se estou errada no título, mas percebi Administrador Apostólico.

Como se deve dizer? Qual é a maneira correcta?
Muito obrigada.
Ester de Lemos

De Theosfera a 20 de Novembro de 2011 às 22:32
Boa noite. Obrigado pela visita e pela apreciação benevolente ao meu pobre blog. Quanto à questão que me coloca, neste período de transição, em que há bispo nomeado mas sem ter tomado posse, o que faz sentido é mencionar os dois: «o nosso Bispo eleito António» e «o Administrador apostólico Jacinto». Porque quando há nomeação de um novo bispo, o anterior passa automaticamente a Administrador apostólico. Depois da tomada de posse, a 29 de Janeiro, dir-se-á «o nosso Bispo António» e penso que não ficará mal adicionar uma referência ao «Bispo emérito Jacinto». Isto porque, apesar de deixar de exercer formalmente a condução da diocese, nunca deixa de ser bispo. Eu sei que estas formulações são um pouco complexas, mas formalmente é assim. Se for necessário qualquer nota adicional, faça o favor de dispor. Muita paz no Senhor Jesus. Uma feliz semana.


mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro