O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Quarta-feira, 21 de Setembro de 2011

Primeiro, o tempo está. Depois, o tempo passa. A seguir, o tempo corre. Finalmente, o tempo voa.

 

As nossas sensações, diante do tempo, também vão oscilando.

 

Inicialmente, temos muito tempo. Depois, temos algum tempo. A seguir, temos pouco tempo. Finalmente, não temos tempo.

 

Nós gastamo-nos no tempo. O tempo desgasta-nos a nós!

publicado por Theosfera às 22:47

De Dinis Vieira a 21 de Setembro de 2011 às 23:28
Parabéns.
Por vezes fico sinceramente surpreendido... agradavelmente surpreso. Este é um dos desses casos singulares.
Li e gostei. Vou continuar a voltar.
E já agora, vou colocar um link para cá na minha página "Gangster do Colarinho Multicor".

De Theosfera a 22 de Setembro de 2011 às 05:37
Muito obrigado pela visita e pelas palavras. Muita paz no Senhor Jesus. Um feliz dia. Abraçoa amigo.


mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro