O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Terça-feira, 12 de Abril de 2011

A aceitação da realidade é um sintoma de bom senso e maturidade, mas sonhar é conatural ao ser humano.

 

Ultimamente, têm sido intentados vários ensaios da chamada história virtual. Tais ensaios começam pela pergunta:E se determinadas coisas tivessem sido diferentes?

 

Não adiantará muito especular, mas não custa nada perguntar.

 

A História da Igreja tem oferecido grandes rasgos e proporcionado enormes santos, mas não custa (e, aliás, isso tem sido feito) conjecturar um pouco.

 

Queria acontecido se S. Pedro não tivesse saído de Jerusalém?

 

Que teria acontecido, mais proximamente, se João XXIII tivesse vivido mais alguns anos?

 

Que teria acontecido se João Paulo I não tivesse morrido um mês após a eleição?

 

Que teria acontecido se o Cardeal Martini tivesse sido eleito papa?

 

Nunca saberemos. O corpo da Igreja seria o mesmo. O seu rosto, provavelmente, poderia ser um pouco diferente.

 

Não quer dizer que o que tem sido feito não seja bom.  Mas o que poderia ser realizado não seria menos inspirador.

 

A fidelidade ao passado é meritória, mas sente-se alguma falta do perfume das origens.

 

Há ciclos que se completam por inteiro. Mas nem por isso deixamos de olhar para o brilho que depressa se apagou. Nem deixamos de pensar no vislumbre da promessa do que nem chegou a começar.

 

Tudo segue o seu curso. Há manhãs que nunca passarão pelo entardecer. Ficarão como promessas de uma história por acontecer?

publicado por Theosfera às 11:59

De António a 12 de Abril de 2011 às 14:05
Na minha perspectiva, Deus quis que a Obra da Criação não ficasse completa, antes de dar ao Homem a possibilidade da sua Co-Autoria. Tudo segue,portanto, o seu curso evolutivo à medida da dimensão dos nossos estados espirituais...

De Theosfera a 12 de Abril de 2011 às 16:06
Obrigado, bom Amigo. O que temos feito não pode ser impedimento para figurarmos o que poderia ser feito. Há caminhos que nunca poderão deixar de ser andados. As pessoas bondosas deixam sempre marcas imperecíveis. Muita paz no Senhor. Abraço amigo.


mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9


17



Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro