O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Domingo, 10 de Abril de 2011

Muito dinheiro vem a caminho. Para todos?

 

Já os sacrifícios não precisam de fazer caminho. Já cá estão. Para todos, não sei. Para muitos, seguramente.

 

O FMI já cá esteve e não foi o FIM.

 

No entanto, há muito de estranho em tudo isto.

 

A ajuda financeira será volumosa, mas tende a passar por invisível.

 

Já a austeridade que ela implica mostra-se bastante palpável.

 

O dinheiro será por causa de todos. Mas chegará a todos? Quanto aos sacrifícios, não há a mais pequena dúvida. Muitos vão pagar o que nem todos irão receber.

 

Já passámos por muitas tardes de turbulência e ainda não nos finamos.

 

Desta vez, há quem nos queira fazer crer que vamos atravessar uma longa noite. Voltaremos a ver um novo amanhã?

 

FMI é anagrama de FIM.

 

Mas até no fim há prenúncios de recomeço.

 

O cinto aperta. Mas a esperança não se deixará asfixiar.

publicado por Theosfera às 16:19

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9


17



Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro