O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Terça-feira, 22 de Março de 2011

Ontem, quando nos deitámos, a crise era uma forte possibilidade.

 

Hoje, quando nos levantámos, a mesma crise parecia ser já uma iminência.

 

Como salientava José Gil, numa interpelante entrevista, o interesse nacional está a ser devorado pelos interesses partidários, de grupos e de pessoas.

 

Dizem que não há grande margem para políticas diferentes. Será que as eleições abrirão caminho a alguma solução consistente?

 

O que mais avulta é a incapacidade e a imaturidade da classe política para lidar com a presente situação: crise económica, crise social, crise de valores e, agora, crise política.

 

Desejar-se-ia uma réstia de lucidez e um vislumbre de humildade.

 

Mais do que novas eleições, é necessário um amplo entendimento que envolva a classe política, o mundo empresarial, os trabalhadores e as universidades.

 

Grande serviço prestariam os actuais líderes partidários se pedissem a um conjunto de personalidades que, nesta hora crítica, assegurassem a condução do país. Por sua vez, eles assegurar-lhes-iam apoio.

 

Mantenho, pois, o que aqui escrevi.

 

O cenário actual não é entusiasmante. Cabe-nos impedir que se torne completamente insolvente.

 

 

publicado por Theosfera às 09:49

mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10

13
19

20



Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro