O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sábado, 07 de Novembro de 2009

A dessacralização da vida pública não está a ter um efeito propriamente positivo.

 

Onde já se viu a casa presidencial dos Estados Unidos transformada num antro de festa no dia das bruxas?

 

Que é que se ganha com este populismo sem freio?

 

Mesmo que se ganhe em votos (o que é duvidoso), perde-se sempre em dignidade, em recato, em pudor.

 

Um político não é um actor de circo, embora deva ter humor.

 

Com a proliferação de redes sociais, o segredo deixou de ser um valor. Pedir que se guarde um segredo tem o mesmo efeito que não pedir. O resultado é o mesmo.

 

As coisas circulam. O boato tem o mesmo peso de uma verdade insofismável.

 

E, o que é pior, mesmo aqueles que ainda permanecem fiéis (aqueles que ainda guardam segredo) são, pura e simplesmente, ignorados. Ninguém acredita neles.

 

Cada vez se mede mais os outros por nós mesmos. Se nós não conservamos um segredo, inferimos logo que os outros também não o conservam.

 

Cuidado, pois, com as confidências. Ainda há excepções. Mas trata-se de um risco cada vez mais elevado.

publicado por Theosfera às 11:10

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro