O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Segunda-feira, 17 de Janeiro de 2011

Irmão, que bom é sentir a presença da esperança na profundidade do ser e nas alamedas da vida.

 

Sorri ao novo dia. Sopra sobre as nuvens e faz aparecer o sol.

  

Deus tem uma grande paixão pelo Homem. Deus ama a vida.

 

Em Deus, abrimo-nos ao outro.

 

A vida com Deus é felicitante e transformadora!

 

Por isso, faz sempre o bem, mesmo àqueles que só (te) fazem mal.

publicado por Theosfera às 10:34

De António a 17 de Janeiro de 2011 às 14:22
Charles Darwin passou pelo grande drama da morte de uma filha e foi um cientista notabilíssimo. Tal como Galileu, alterou a mundividência mítica por uma visão objectiva e séria da realidade. A Teoria da Evolução impôs-se na comunidade científica de uma forma praticamente consensual, embora ela, ao contrário do que postula Richard Dawkins, não determina, nem o Teísmo nem o Ateísmo. Deus terá querido a morte da filha de Darwin ? E terá querido salvar outros seres por supostos milagres ? Ontem, estive a debater com minha querida mulher a beatificação de João Paulo II, derivada da cura inexplicável de Marie Simon Pierre, por suposta intercessão de João Paulo II. A minha mulher perguntou-me porque será preciso pedir a intercessão de um Deus bondoso e porque Deus não cura todas as pessoas afectadas com a doença de Parkinson, que são tão Seus filhos como a referida freira francesa, ou com quaisquer outras doenças incuráveis.Confesso que não encontrei resposta séria.Simplesmente não sei como refutar essas pertinentes questões. Vem isto a propósito da Bondade de Deus e do carácter alegadamente selectivo dos Seus milagres. Será assim ? Estaremos a ver bem ou a tomar os nossos desejos por aparente realidade ? São perguntas incómodas, bem sei. Mas quem ambicionar aprofundar a mais aprimorada concepção de Deus não se pode ficar por respostas fáceis e falaciosas. Temos, pelo menos, que tentar perceber alguma elementar lógica do Divino.Ter fé não é acreditar no que nos dá jeito mas também no que à nossa Razão não coloca sérios entraves intelectuais. Deus certamente que não nos quer amorfos, mas reflexivos....

De Theosfera a 17 de Janeiro de 2011 às 15:58
Bom Amigo, o seu questionamento é pertinente. Deus, apesar da Sua auto-revelação, tem muito de insondável. Alegramo-nos com a cura de uma doente, mas há tantos doentes que rezam e não são curados. Nestas alturas, remeto-me ao silêncio embora tenha estudado o milagre como filho da fé. A teologia será sempre apofática. É muito mais o que fica por dizer do que aquilo que é dto ou pensado. Abraço amigo.


mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro