O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sábado, 04 de Dezembro de 2010

Está na moda falar de único. É um conceito que vale a pena reter.

 

Único é cada ser humano. Única é cada entidade. Único é cada momento. Única é cada vida. Daí a aparente contradição: tudo é único.

 

Pode haver semelhanças, mas nunca igualdade total. Não há duas pessoas iguais. Não há dois instantes iguais. Não há duas palavras iguais. 

 

Único é o selo da identidade de cada coisa, de cada pessoa, de cada instante. 

 

No mundo do desporto, está na ordem do dia dizer que o F.C.Porto é a única equipa sem derrotas em toda a Europa.

 

Que este clube é único eis uma verdade. Mas cada clube é único, outra evidência que salta à vista.

 

Quanto a ser o único emblema sem derrotas, depende do termo de comparação.

 

Se se disser que é o único clube da Europa sem derrotas tendo em conta as principais competições, acredito que seja verdade.

 

Mas, só entre nós, lembro que o Vila Real e o Infesta também ainda não perderam esta época.

 

É claro que são clubes dos distritais. Mas nem por isso deixam de pertencer à Europa.

 

De qualquer modo, parabéns ao F.C.Porto pela magnífica época que está a realizar.

publicado por Theosfera às 11:32

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9


22



Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro