O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Domingo, 28 de Novembro de 2010

Quando, modestamente, alguém faz o que deve, é que começa a ser mais criticado, mais hostilizado.

 

Alternativa? Fazer o que não se deve? É claro que não terá o menor problema. Será até fartamente vitoriado.

 

 Mas a consciência impede. Antes vituperado por causa do dever do que vitoriado por causa da violação do dever.

 

 Somos servos inúteis. Só fazemos o que devíamos fazer. E quando não fazemos o que devemos?

publicado por Theosfera às 18:39

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro