O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sexta-feira, 19 de Novembro de 2010

O contraste pauta a nossa vida e domina, completamente, estes dias.

 

É suposto ser a Nato uma organização que promove a segurança. Porém, nunca os portugueses se sentiram tão inseguros (e até tão ameaçados) como nestes dias.

 

O aparato policial é impressionante, quase tremebundo. Fontes da polícia assumiram, aliás, uma alta probabilidade de haver um atentado. Não há-de haver, se Deus quiser, mas não deixa de pairar no ar uma sensação desconfortável.

 

Depois, temos as manifestações pela paz, em que o tom não é muito pacífico. Há uma certa agressividade no ar.

 

Confesso que também de mim a Nato não colhe especial simpatia, embora respeite a sua existência e, porventura, a sua necessidade.

 

Preferia, como é óbvio, que estes chefes de estado se juntassem para combater a fome e a desigualdade.

 

Só que as manifestações pela paz destilam um espírito pouco pacificante.

 

Admiro, por exemplo, a inteligência fulgurante de Francisco Louçã. Inteligente ele é. Mas pacificante podia ser bem mais. 

publicado por Theosfera às 10:00

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro