O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sexta-feira, 12 de Novembro de 2010
Há tempos vi na tv um documentário sobre o fundador do PS, Tito de Morais, que muito me impressionou.
 
Tito de Morais fora convidado para presidente do conselho de administração de uma grande empresa pública, depois do 25 de Abril.
 
Perguntou quanto era o vencimento. E quando lhe revelaram o montante exorbitante da remuneração recusou liminarmente o cargo, dizendo que não era capaz de ir auferir uma remuneração tão elevada, comparada com o montante do salário mínimo nacional.
 
Com estes exemplos, raros,o mundo fica mais rico em grandeza humana.
 
Obrigado, Manuel Tito de Morais. Deus te abençoe como bem mereces...
 
Faço meu este texto que António enviou para a caixa de comentários. Aliás, também vi o programa e confesso que fiquei deveras impressionado.
 
Será que gente desta envergadura moral desapareceu? Quero crer que não.
 
E recordo que Tito de Morais até vivia com dificuldades. Tinha vários filhos. As justificações eram fáceis. A situação tornava-se tentadora.
 
A experiência mostra que os grandes homens não são muitos. Mas também é verdade que o chão que produziu homens desta estirpe não deixou de ser fecundo.
publicado por Theosfera às 18:57

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro