O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Terça-feira, 19 de Outubro de 2010

Muito ganharia a construção do futuro com uma maior atenção ao que nos chega do passado.

 

Lastimo que, por exemplo, um intelectual da estirpe de António Sérgio seja, hoje em dia, um ignorado.

 

Quem perde não é ele. Quem perde somos nós.

 

A sua concepção de cultura e de moral impõem-se, na actualidade, com uma pertinência assombrosa.

 

Para Sérgio, a cultura não remete só para a estética. Aponta, antes de mais, para a ética. Ela é assimilada à civilização.

 

Daí que a cultura tenha que ver com os valores e, especialmente, com o bem.

 

Por sua vez, a moral tem uma componente psicológica que não pode ser desguarnecida.

 

A consciência dos valores é inseperável da vivência daqueles que os incorporam.

 

«A vida moral é um processo psicológico a que as imagens de certas pessoas que se impõem ao nosso espírito, que veneramos e imitamos, dão força impulsora e norteante. A personalidade da criança cresce por imitação dos outros eus».

 

A importância do testemunho e do exemplo é determinante. Se aqueles que os mais jovens imitam primam por comportamentos negativos, como exigir aos mais novos valores positivos?

 

Convenhamos que o futuro que os mais adultos estão a oferecer não é propriamente promissor.

 

Há, pois, que reflectir. E inflectir.

publicado por Theosfera às 21:20

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9






Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro