O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Domingo, 01 de Novembro de 2009

 

Hoje é um dia especial.
 
Celebramos todos os santos.
 
Aqueles de quem, porventura, não sabemos o nome ou nem conhecemos a vida.
 
Aqueles que, quiçá, escaparam ao escrutínio dos homens.
 
Celebramos aqueles que já moram com Deus na eternidade porque estiveram em Deus aqui, no tempo.
 
São os que vieram da grande tribulação, os que não recuaram diante das dificuldades, os que não esmoreceram diante dos problemas, os que não tergiversaram na hora da decisão.
 
Quem sabe se muitos deles fizeram não parte da tua família, do teu círculo de relações?
 
Se eles conseguiram olhar tão alto e chegar tão longe, porque é que não havemos de conseguir nós?
 
Aliás, se pensarmos bem, não somos nós a conseguir a santidade. É Deus em nós. É Deus connosco.
 
O segredo da santidade está aqui: em deixar que Deus seja em nós; em consentir que Deus aconteça na nossa vida.
 
E em que resulta, então, a santidade?
 
A santidade é a verdade, a justiça, o amor, a autenticidade, a beleza, o sonho, o recomeço, a insistência, a abertura, a recusa da mediocridade, o acreditar incessantemente e o esperar até para lá de todos os limites.
 
Porque, a bem dizer, o único limite que nos pode impedir de sermos santos é a nossa vontade rebelde, é o nosso egoísmo fechado…
publicado por Theosfera às 06:22

De António a 1 de Novembro de 2009 às 14:50
Tenho a certeza absoluta da Santidade do meu falecido e querido pai.E quem vive junto de alguém verdadeiramente santo, fica tocado para toda a vida.Penso, contudo, que a Santidade é a meta de um rumo humano e ao alcance de todos que queiram seguir o Caminho do Bem,sendo,a meu ver, completamente irrelevante, que acreditem ou não em Deus.A Santidade não é um exclusivo dos crentes mas de todo o indivíduo que a manifeste na sua conduta.Creio,aliás, que o grande Segredo da Existência é este: Deus dotou-nos da Sua Própria Divindade e o Sentido da Vida está em nos reconhecermos como integralmente divinos,apesar de também integralmente humanos...


mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro