O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sexta-feira, 13 de Agosto de 2010

Para a evangelização, a net traz um precioso ganho: a agilidade.

 

Atenção, porém, ao custo que lhe pode estar conectado: a falta de profundidade.

 

Hoje, muitas pessoas não lêem; captam. Se a net ajudar à captação do essencial, óptimo.

 

O problema é que isso acontece, amiúde, à custa da superficialidade. É preciso, por isso, não descurar a compensação.

 

Faz bem vir à net captar. Urge não dispensar o livro para aprofundar.

 

A net não é só um novo meio de comunicação. Ela está a criar também um novo paradigma de relação.

 

Pura e simplesmente, não nos relacionamos da mesma maneira depois do aparecimento da web.

 

Estamos muito marcados pelo instante, pelo impulso. Outrora, poderíamos escrever um texto movidos por um ímpeto, mas até que ele fosse publicado no jornal, havia oportunidade para alterar uma palavra mais destemperada. O leitor, mesmo o eventual alvo da escrita, estava já também mais distendido.

 

Agora, é tudo muito em cima. As pessoas tendem a verter no blog todos os impulsos. Mas, mesmo que não vertam, há quem os lobrigue. Precisamos, pois, de serenidade e de uma nova hermenêutica.

 

Também na net, a linguagem deve servir para aproximar, para unir, para amar.

publicado por Theosfera às 11:10

mais sobre mim
pesquisar
 
Agosto 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9

15

22
24
27
28

30


Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro