O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Terça-feira, 11 de Maio de 2010

Neste momento, o avião que transporta o Santo Padre está a fazer-se à pista no aeroporto de Lisboa.

 

Bento XVI está em Portugal.

 

A mensagem de paz e de esperança está com ele para chegar a todos.

publicado por Theosfera às 10:56

De António a 11 de Maio de 2010 às 17:50
Desejo uma boa estadia em Portugal ao Papa Bento XVI. E, como crente e cristão, apreciarei a sua mensagem de paz e esperança. Não irei congratular-me com o facto de Bento XVI ir rezar o terço em latim. Há simbologias que são evidentes e poderosas. E um teólogo conceituado como Bento XVI nada faz por acaso. Não acolherei esse sinal. Para mim, o CVII não é passível nem de revisionismo histórico nem de retorno aos tempos pré-conciliares de Pio X. Também sou daqueles que, a seu modo, rema contra a corrente. Por isso, não reconheço também que Maria Santíssima tenha aparecido em Fátima com vestido até aos joelhos, de soquetes brancos e com uma estranha medalha aos bicos ao pescoço. Falando sem sequer mexer os lábios. Tudo conforme as iniciais declarações dos Pastorinhos, no episódio da Fátima 1.A minha consciência de crente e cristão obriga-me a verberar o que considero ser uma Mensagem intrinsecamente anti-cristã, por razões que já desenvolvi. E, a todos os títulos, logicamente incongruente e reprovável. Deus não merece ser desrespeitado na Luz do Amor que é. Cristo também não. O Evangelho igualmente não deve ser revisto por uma Mensagem que o contradiz em vários pontos teológicos fundamentais, como a natureza estruturalmente individual do pecado e do seu castigo. E à revelia do que enfatizou Cristo em " misericórdia quero, não sacrifícios". Sei que não estou só nesta reflexão. Muitos católicos, expressa ou silenciosamente, comungam do mesmo entendimento. Padre Anselmo Borges, por exemplo. Custa-me a aceitar que Bento XVI não reconheça as enormes fragilidades teológicas e factuais da fenomenologia de Fátima. A erudição teologal não se mostra por palavras mas por actos. Era tempo de Bento XVI mostrar a boa ortodoxia do Evangelho, não de sancionar uma Mensagem pagã. Estamos cansados de argumentos de autoridade. Portugal é um país, a vários títulos, perdedor. E reconheço que será a muitos custoso perder a crença no que Fátima não é. Pelo menos em relação à sua Mensagem. Mas não deixarei de assistir à procissão das velas, mesmo sabendo que a imagem oficial de " Nossa Senhora", criada por um artesão de Braga, difere imenso da imagem inicial, alegadamente vista pelos Pastorinhos. Fátima, apesar da sua Mensagem intrinsecamente anti-cristã, acabou por gerar um Milagre. E talvez por ínvias portas, Maria Santíssima tenha descido dos Céus à Terra para se sobrepor à falsa imagem que dela querem fazer. Na beleza da procissão das velas, dos sublimes cânticos que a acompanham, na expressão de muitos rostos marejados de lágrimas, talvez, sim, Maria Santíssima esteja presente em Fátima, contra o falso ídolo que dela teimam em fazer. A Mensagem, essa, nos falsos termos teológicos em que se estriba, tem que ser derrubada e vai ser derrubada. Só assim Maria Santíssima poderá brilhar. E Deus resplandecer...

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
15





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro