O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sábado, 01 de Maio de 2010

Com o advento da industrialização e a proliferação dos serviços, o mundo laboral começou a ter uma vida atribulada.

 

O trabalho visa a dignidade humana, mas, para muitos, visa apenas o lucro.

 

É claro que sem lucro não há trabalho. Não há como pagá-lo.

 

Mas sem trabalho também não há lucro. Não se vê como produzi-lo.

 

O grave é que, no meio de tudo isto, o ser humano não fica no lugar que merece: o primeiro.

 

Desemprego em massa, trabalho precário em série, tudo gera em revolta.

 

O operariado transforma-se num precariado.

 

Haverá uma saída?

 

Apesar de tudo, penso que sim. Desde que se pense, acima de tudo, no valor sagrado da pessoa humana.

publicado por Theosfera às 11:26

De António a 1 de Maio de 2010 às 18:49
Acho que haveria uma saída: uma greve geral por 30 dias à escala mundial, a impor fortes distribuições da riqueza e das taxas de juro usurárias, e eu queria ver se a crise não acabava num instante...


mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
15





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro