O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Domingo, 05 de Janeiro de 2014

É impossível passar ao lado. E é muito fácil ir na onda.

Mas quem me conhece sabe que não é de hoje a minha admiração por Eusébio.

Cresci na convicção de que, a seguir a Pelé, Eusébio foi o maior. E até este dia ainda não tive razões para mudar de opinião.

As épocas são diferentes. Actualmente, há mais jogos e mais imagens de jogos. A distância desacelera a lembrança. A memória começa por abarcar o mais recente.

É normal. A publicidade difunde mais.

E não há dúvida de que, nos tempos que correm, há quem esteja num patamar muito alto. Num patamar talvez perto de Eusébio. Mas superior a Eusébio continuo a não ver ninguém. Vi apenas Pelé.

Eusébio morreu cedo. Como ainda mais cedo morreu aquele que terá sido o maior obstáculo que Eusébio encontrou pela frente: Vítor Damas.

Os dois já se reencontraram no repouso eterno!

publicado por Theosfera às 18:25

De Evágrio Pôntico a 6 de Janeiro de 2014 às 09:57
Belo comentário, Sr. Padre João !

Também partilho da sua opinião: Pelé o maior de sempre; Eusébio, logo na sua esteira. Se estes atletas tivessem as condições dos "craques" de hoje... aonde não chegariam...?!
Eles, Pelé e Eusébio, nasceram artistas da bola, tudo o que faziam era natural, simples e encantador.

Conheci Eusébio e Damas, com os quais cheguei a falar pessoalmente.

O que me ficou mais na lembrança - a elevada categoria de ambos como jogadores era uma evidência - foi a humildade e a naturalidade. Gente simples, consciente do seu valor, mas sem se deixar seduzir pelas "luzes" do mundo...
Damas, decerto mais culto, era um conversador com algo de filósofo.

Outro desportista, que me marcou pela sua naturalidade e humildade, foi o grande Joaquim Agostinho, com quem também cheguei a conversar.

Só os verdadeiramente humildes são grandes e ganham a nossa admiração ! Grandes na sua profissão - grandes como Homens !

Que Deus a todos guarde na Sua Misericórdia ! Foram centelhas neste mundo, e, pelas suas qualidades, decerto foram alegria - e lenitivo, também - para muita gente !


mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro