O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sábado, 30 de Novembro de 2013

O Papa não está contra o dinheiro.

Ele até quer mais dinheiro. O Papa quer mais dinheiro para mais gente.

O que fere o Papa não é a economia; é esta economia.

Esta economia mata. Mata porque segrega, porque exclui, porque elimina.

O que o Papa denuncia não é a existência de dinheiro, mas a tirania do dinheiro.

O que o Papa não consente é uma economia que faz do homem instrumento do capital em vez de fazer do capital instrumento para o homem.

O que o Papa deseja é que o dinheiro circule (também e sobretudo) pelos pobres.

É um facto. Noto muito entusiasmo em muitas pessoas com o Papa e denoto alguma incomodidade em alguns sectores diante do Papa.

Não faria mal ler quatro textos que, esta manhã, vêm na imprensa sobre a «Evangelii gaudium». Ajudam-nos a desassossegar!

publicado por Theosfera às 12:14

De Anónimo a 30 de Novembro de 2013 às 13:45
Papa Francisco veio para desassossegar, sim, mas essa é a única forma de honrar a ética revolucionária de Cristo. Quem estava à espera que o papa Francisco viesse secundar posições políticas neutrais, desengane-se. Ele veio mesmo para inquietar e denunciar. A verdade é que Religião e Política sempre estiveram de mãos dadas e a Igreja nunca foi politicamente neutral. Agora temos uma papa a dar o melhor seguimento à visão superior da Populorum Progressio de Paulo VI, mas falando ainda com mais clareza contra a podridão do sistema capitalista. Já mostrou que é um grande papa. E a « Evangelli Gaudium" é um extradionário documento apostólico. Vai incomodar muita gente que não gosta da sua clareza e das suas justas posições.


mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro