O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Segunda-feira, 16 de Fevereiro de 2015

Andamos deslumbrados com a vontade de dizer tudo o que nos apetece e de fazer tudo o que nos apraz.

Olhamos para a palavra e para as acções, mas não medimos as suas implicações.

A vida é feita de equilíbrios. Era bom que descobríssemos o valor do respeito e a importância da lei.

Esta não é necessária quando aquele é posto em prática. Mas, uma vez mais, o equilíbrio propende a funcionar. Se não há respeito, a lei tenta implantá-lo.

William Pitt, no século XVIII, ilustrou a vantagem da lei de um modo interpelante: «O homem mais pobre no seu casebre pode desafiar toda a força da coroa britânica. O casebre pode ser frágil, o telhado pode abanar, o vento pode soprar lá dentro; as tempestades podem entrar, a chuva pode entrar, mas o Rei de Inglaterra não pode entrar. Todo o seu poder não se atreve a atravessar o limiar do casebre arruinado».

O problema surge onde não existe lei e onde a lei não é respeitada.

Porque a lei, quando é respeitada, obriga a todos. Nem o soberano está acima da lei!

publicado por Theosfera às 09:51

Há mais problemas diante das soluções do que soluções diante dos problemas.

Mas não desfaleçamos.

Podemos não ter soluções, mas temos as nossas mãos.

Schiller apercebeu-se da situação: «Não temos nas nossas mãos as soluções para todos os problemas do mundo, mas diante de todos os problemas do mundo temos as nossas mãos».

E acima de tudo contamos com a graça de Deus.

Quando Deus quer e o homem sonha, alguma coisa boa estará impedida de nascer?

publicado por Theosfera às 09:28

Hoje, 16 de Fevereiro, é dia de Sto. Elias, Sto. Isaías, S. Jeremias, S. Samuel, S. Daniel, Sto. Onésimo, Sto. Honesto, Sta. Filipa Mareria, S. Simão de Cássia e Beato José Allamano.

Um santo e abençoado dia para todos!

publicado por Theosfera às 00:00

mais sobre mim
pesquisar
 
Fevereiro 2015
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9




Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro