O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

Nada santa é a vida na cidade santa.

Em Jerusalém prossegue a violência, continuam as acusações e não param as ameaças.

Até quando?

publicado por Theosfera às 10:10

Atenção ao deslumbramento. Cuidado com a glória.

Tudo isso pode parecer saboroso. Mas tudo isso é passageiro e acaba por ser prejudicial.

Daí o avisado conselho de Thomas Mann: «A glória em vida é algo problemático: é aconselhável não se deixar deslumbrar por ela»!

publicado por Theosfera às 10:03

Como começa o conhecimento?

Pela curiosidade, diremos nós.

Pelo espanto, achava Karl Jaspers.

Pela perplexidade, notou Kahill Gibran: «A perplexidade é o início do conhecimento».

Não faltam ondas de perplexidade, hoje em dia.

Não escasseiam, pois, oportunidades para o conhecimento!

publicado por Theosfera às 09:59

Estar indefinidamente à espera do óptimo pode levar ao desperdício do bom.

George Eliot reconheceu: «Neste mundo, são aqueles que aproveitam a oportunidade que têm as oportunidades.

Neste mundo, são aqueles que aproveitam a oportunidade que têm as oportunidades».

As oportunidades fogem de quem não as aproveita?

publicado por Theosfera às 09:54

Não sei por que razão Robert Stevenson afirmou: «Um silêncio pode por vezes ser a mais cruel das mentiras».

Mas sei que, quase sempre, o silêncio transporta a mais luminosa das verdades.

Luminosa, ainda que, por vezes, um pouco dolorosa!

publicado por Theosfera às 09:53

Hoje, 24 de Outubro, é dia de Sto. António Maria Claret, S. Proclo, S. José Baldo e S. Luís Guanella.

Um santo e abençoado dia para todos!

publicado por Theosfera às 00:00

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro