O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sexta-feira, 25 de Julho de 2014

Há pessoas que nunca se apagam e que sempre se apegam.

À medida que o seu resto à terra desce, o seu rasto na terra cresce.

Mons. Simão Morais Botelho é uma presença cada vez mais presente.

Agora que volta para o Pai, brilha, ainda mais, o seu exemplo, a sua dedicação, a sua alegria, a sua bondade.

Nestes tempos sombrios, a sua luz resplandece ainda mais.

Pessoalmente, nunca perderei o amigo que foi. Jamais me afastarei da referência que será para sempre!

publicado por Theosfera às 22:59

Há um paradoxo ínsito na educação.

Há muita gente que alega tê-la, mas pouca gente mostra possuí-la.

Karl Kraus sintetizou esta situação ao escrever: «Educação é aquilo que a maior parte das pessoas recebe, muitos transmitem e poucos possuem».

O problema está mesmo aqui. Como se pode receber aquilo que não é dado?

O que muitos dão é conhecimento e instrução, mas pode não chegar a ser educação. Se falta a conduta, falta o essencial.

A educação não se afere apenas pela excelência do conhecimento. Afere-se sobretudo pela excelência do comportamento.

Há quem tenha muitos conhecimentos e revele não ter grandes comportamentos.

É bom não esquecer o aviso de Agostinho da Silva: «O supremo entender é a bondade».

A educação deve formar, antes de mais e acima de tudo, gente de bem, gente do bem!

publicado por Theosfera às 09:58

O padre não tem uma identidade alienada, mas uma identidade fortalecida.

Em Cristo, o padre não é menos; é (muito) mais.

Perdendo-se em Cristo, o padre nunca (se) perde.

publicado por Theosfera às 00:49

Hoje, 25 de Julho (faltam apenas cinco meses para o Natal), é dia de S. Tiago e S. Cristóvão.

O nome Tiago resulta de uma evolução do hebraico Jacob, que tem como equivalentes Jacques, James, Jácome, Jaume e Jaime. No ocidente da Península Ibérica, começou a ser conhecido como Iago. Daí Sant'Iago, Santiago e S. Tiago. Foi o primeiro dos Doze a receber o martírio.

Cristóvão (ou Cristófero) significa «aquele que transporta Cristo». Este santo é padroeiro dos archeiros, dos que fazem fretes, dos carregadores dos mercados, dos pisoeiros, dos negociantes de frutas, dos automobilistas; é invocado contra a morte súbita, as tempestades, o granizo, as dores de dentes e a impenitência final.

Um santo e abençoado dia para todos!

publicado por Theosfera às 00:00

mais sobre mim
pesquisar
 
Julho 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro