O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Domingo, 16 de Março de 2014

Lembro-me de que, antes do 25 de Abril, o Telejornal começava às nove e meia da noite.

 

Recordo a notícia, dada por Pedro Moutinho, da tentativa de golpe nas Caldas a 16 de Março de 1974.

 

E nunca mais esquecerei o noticiário de 25 de Abril, nesse dia às sete menos vinte da tarde, apresentado por Fernando Balsinha e Fialho Gouveia.

 

Os apresentadores eram sóbrios, cultivavam um low profile de que, hoje, sinto saudades.

 

O tempo não anda para trás. Mas nem tudo o que avança, avança bem.

publicado por Theosfera às 16:26

Hoje também, Senhor,

na manhã deste Domingo belo,

Tu nos levas ao monte,

a um monte muito alto,

a um monte que és Tu.

 

Hoje de novo,

Tu realizas o mistério da transfiguração.

Transfiguras a vida.

Transfiguras a humanidade.

Transfiguras cada pessoa.

Transfiguras o mundo.

 

A fé é uma contínua transfiguração.

Junto de Ti, somos os mesmos e somos outros.

 

Somos diferentes,

somos melhores,

mais felizes,

mais fraternos,

mais humanos,

mais descentrados de nós,

mais recentrados em Ti.

 

Transfigura-nos, Senhor.

Torna-nos mais amáveis,

mais abertos, solidários e serviçais.

Faz de nós arautos da Boa Nova,

portadores da Esperança

e mensageiros do Amor e da Paz.

 

Como Pedro, dizemos:

«Que bom é estarmos aqui»!

Que bom é estar conTigo, Senhor.

Que bom é sentir a Tua presença.

 

Também hoje, ouvimos a voz do Pai:

«Tu és o Filho muito amado».

Que nós Te escutemos

e que escutemos aqueles que são amordaçados.

 

Que, ao descermos o monte,

não percamos a energia.

 

Que, lá em baixo, em cada dia,

nós sejamos missionários do Teu amor.

 

Que participemos na transfiguração deste mundo.

Que não desanimemos perante as dificuldades

e que a todos levemos o eco da Tua paz,

JESUS!

publicado por Theosfera às 09:18

Os génios não são formatáveis. A formatação destrói e genialidade.

Einstein era bom aluno, mas só se dedicava com afinco às matérias de que gostava.

Conseguiu muito, também porque descansava bastante.

Consta que nunca dormia menos de dez horas por noite e, como se não não bastasse, não se privava de uma boa sesta.

Talvez por isso aprendeu a valorizar a imaginação. Para ele, «a imaginação é mais importante que o conhecimento».

Não terá a sua razão?

publicado por Theosfera às 08:31

Não sou determinista. Muitos menos, fatalista.

Mas, às vezes, concordo com Garrett: «O que tem de ser tem muita força».

Maurice Maeterlinck apelava para o destino: «O destino fecha às vezes os olhos, mas bem sabe que para ele voltaremos depois».

Somos como que arrastados por uma corrente. O nosso encontro com a vida dá-se por motivos que, quase sempre, não divisamos.

A nossa vida é tecida de mistério!

publicado por Theosfera às 08:24

Há quarenta anos, tinha apenas oito anos.

Só perto das dez da noite, tive conhecimento do que se passara pela madrugada.

Nesse dia aprendi uma palavra nova: «insurrectos».

Foi assim que o apresentador televisivo se referiu aos que se sublevaram contra o regime.

Na altura e a avaliar pela expressão facial do apresentador, fique com a impressão de que era uma palavra com um sentido pejorativo. E, para ele, era.

Os dicionários dizem que insurrecto é o revolucionário em acção. Não podia estar mais certo.

A revolução não foi a 16 de Março. Mas não demoraria muito tempo!

publicado por Theosfera às 08:19

Um pequeno passo para um país. Um perigoso passo para a humanidade.

Hoje, o mundo olha para a Crimeia. Amanhã, todos estaremos à espera do que virá da Crimeia para o mundo.

Que o pior não se confirme!

publicado por Theosfera às 08:10

Hoje, 16 de Março (II Domingo da Quaresma), é dia de Sta. Eusébia, Sto. Heriberto (invocado para pedir a chuva) e Sto. Abraão, solitário.

Um santo e abençoado dia para todos!

publicado por Theosfera às 00:00

mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro