O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Segunda-feira, 21 de Outubro de 2013

Foi agridoce a vitória de Merkel nas eleições. Esteve à beira de executar em maioria o seu programa.

Acontece que, ficando muito perto da maioria, não a alcançou. E vai ter de fazer parceria com uma força que tem pontos de vista muito diferentes.

É que, antes, a CDU tinha um parceiro com quem convergia em quase tudo. Agora vai ter um interlocutor com quem diverge em muita coisa.

Mas isto só torna a grande coligação um exercício ainda mais vibrante.

Afinal, Raymond Aron já tinha percebido que a democracia é obra comum de partidos rivais. A rivalidade não há-de impedir a cooperação.

É sinal de maturidade o que está a acontecer. É uma lição que deveríamos aprender.

Só uma nota (não) marginal: Merkel defende um salário mínimo inferior ao que propõem os social-democratas. Sucede que Merkel é democrata-cristã...

publicado por Theosfera às 11:02

Coisa estranha.

Já vimos fazer a quem está na oposição sensivelmente o mesmo que faz quem está no poder.

E já ouvimos a quem está no poder sensivelmente o mesmo que escutamos a quem está na oposição.

A expulsão de uma adolescente da França é uma medida que julgaríamos própria de Le Pen. Afinal, foi tomada pelo Governo de Hollande.

A distinção entre forças já não se faz tanto pelas ideologias; faz-se sobretudo pelo poder.

O que diferencia já não é a ideologia; é o poder.

A ideologia distingue. O poder acaba sempre por assemelhar.

Num mundo globalizado, o poder, pesem algumas «nuances», tende a ser monotonamente igual. Independentemente de quem o exerce.

Mudam os políticos. Mudam as políticas?

publicado por Theosfera às 10:46

Não é propriamente agradável errar. Mas já repararam no quanto o mundo deve aos erros?

Se não fossem os erros, é possível que muitas verdades não fossem encontradas.

Daí que Vergílio Ferreira tenha dito: «Que importa o que erraste? Não haveria verdade nos outros sem o teu erro próprio. E assim colaboraste na harmonia da vida. Se no mundo houvesse só uma cor, não haveria sequer essa cor»!

publicado por Theosfera às 10:32

A inveja dói. Mas, como já dizia Heródoto, «mais vale ser invejado que lastimado».

A inveja é uma coisa má por causa de uma coisa boa.

A inveja é uma espécie de tributo que a incompetência e a raiva prestam ao mérito!

publicado por Theosfera às 10:28

A arte é um vendaval da natureza sobre a própria natureza.

Voltaire proclamou enfaticamente: «Sabei que o segredo das artes é corrigir a natureza».

No fundo, a arte mostra (e demonstra) que viver é superar-se, é olhar mais além, é chegar mais longe!

publicado por Theosfera às 10:21

Andamos à volta de quase tudo e no centro de quase nada.

Conhecemos quase tudo por fora e ignoramos quase tudo por dentro.

Somos íntimos de muitos e quase estranhos em relação a nós.

Daí a abundância de ruído e a ausência de silêncio.

É pelo silêncio que entramos em nós. É pelo silêncio que acolhemos os outros em nós.

Certeiro foi Sócrates, o preclaro filósofo, quando sinalizou: «O verdadeiro conhecimento vem de dentro».

O verdadeiro conhecimento vem de dentro dos outros para dentro de nós.

E vai de dentro de nós para dentro dos outros!

publicado por Theosfera às 10:11

Hoje, 21 de Outubro, é dia de Sto. Hilarião, Sta. Úrsula e S. Gaspar del Búfalo.

Um santo e abençoado dia para todos!

publicado por Theosfera às 00:00

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro