O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sexta-feira, 12 de Julho de 2013

A verdade é o valor estruturante da convivência.

Sem verdade, não é possível conviver. Sem verdade é simplesmente impossível viver.

Mas cuidado com os que alegam possuir a verdade. Caem no logro de a terem encontrado para sempre, desistindo de continuar a procurá-la.

André Gide confessou «acreditar naqueles que procuram a verdade e duvidar daqueles que a encontram».

Não iria tão longe.

Mas uma coisa é certa. O grande encontro com a verdade está sempre no encontro, no caminho, na abertura, na partilha!

publicado por Theosfera às 10:38

A esta hora, os portugueses estão com receio acrescido.

A situação do país parece envolvida por uma bruma espessa.

E, como é sabido, o desconhecido atemoriza. Mas será que o conhecido não atemoriza mais?

Paul Valéry não tinha dúvidas: «Tenho medo do conhecido, mais do que do desconhecido».

É importante abrirmo-nos ao diferente. E darmos as mãos em torno do melhor!

publicado por Theosfera às 10:34

Mesmo quando a luz brilha, as sombras aparece.

Mesmo quando as sombras aparecem, a luz não deixam de brilhar.

Há que não ficar deslumbrado com a luz nem deprimido com as sombras.

A vida é uma interacção entre as luzes e as sombras.

Henri Bergson observou: «A vida é um caminho de sombras e luzes. O importante é que se saiba vitalizar as sombras e aproveitar as luzes»!

publicado por Theosfera às 09:59

«Uma teologia para a vida».

Tal é o título da última obra de Bruno Forte.

Trata-se, de facto, de uma teologia para a vida e de uma vida para a teologia.

O percurso deste homem não se limitou à cátedra nem à sebenta.

Ele sempre esteve no terreno.

Tem mostrado a necessidade de vitalizar a teologia. E de teologizar a vida!

publicado por Theosfera às 09:55

A modéstia pode parecer não ter chama, mas, em compensação, mostra possuir lucidez.

Pierre Reverdy anotou: «É o orgulho que leva a dizer não, e a fraqueza sim. A modéstia pode dizer ambas as coisas sem paixão»!

publicado por Theosfera às 09:51

Hoje, 12 de Julho, é dia de três santos com o mesmo nome: João. Assim, assinala-se, neste dia, a memória de S. João Gualberto, S. João Jones e S. João Wall.

Refira-se que a conversão de S. João Gualberto ocorreu em Sexta-feira Santa quando, finalmente, encontrara o assassino de um parente seu. Ele, armado com uma espada, preparava-se para a vingança após uma prolongada procura. O assassino pediu clemência e ouviu como resposta: «Não por ti, mas por Aquele que, num dia como este, derramou o Seu sangue por todos nós». Foi logo para um convento beneditino e mudou de vida.

Um santo e abençoado dia para todos!

publicado por Theosfera às 05:56

mais sobre mim
pesquisar
 
Julho 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro