O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Segunda-feira, 01 de Julho de 2013

«O mundo sem música seria um erro».
Alguém discordará de Nietzsche?

publicado por Theosfera às 10:02

Dos clássicos chegou-nos a garantia de que a verdade está na totalidade.

Mas, por vezes, propendemos a cavar fracturas onde devia sobressair a harmonia.

A arte sacra designa um todo. Arte sacra é um binómio cujos elementos são, por isso, incindíveis.

É compreensível que, no passado, se valorizasse mais o sacro. Hoje, não falta quem priorize a arte.

Mas creio que, sem uma dose de unção e de espiritualidade, a fruição da arte sacra será amortecida.

A componente sacra da arte sacra é que lhe dá o brilho, a intensidade, a luz, o sentido!

publicado por Theosfera às 09:59

Anatole France preferia «o erro do entusiasmo à indiferença do bom senso».

Eu nem sempre. E não creio que o bom senso seja tecido de indiferenças.

O problema é que, ao invés do que garantia Descartes, o bom senso não é a característica mais difundida na humanidade.

Sem bom senso, até o entusiasmo depressa deixa de entusiasmar!

publicado por Theosfera às 09:53

Achava Oscar Wilde que «o conforto é a única coisa que a nossa civilização nos pode oferecer».

Mas, pensando bem, é a única coisa que não nos oferece.

Mesmo quando nos oferece conforto, nunca confortados nos sentiremos.

Definitivamente, somos uns eternos insatisfeitos!

publicado por Theosfera às 09:48

«Aquele que se conhece é o único senhor de si próprio».

Pierre Ronsard percebeu a essência do conhecimento: conhecer-se a si mesmo.

É o oráculo de Delfos. E é a resposta ao diagnóstico de Nietzsche, «para quem o homem é o ser mais distante de si mesmo»!

Mas será que nos conhecemos mesmo? Ou não passará, tantas vezes, o nosso autoconhecimento de uma ilusão?

Só Cristo, como percebeu Rahner, é a resposta total à pergunta total. O Concílio Vaticano II advertiu que Cristo revela o homem ao homem.

 Só em Cristo, que é a luz, reencontraremos a luz. Sobre tudo. Sobre nós!

publicado por Theosfera às 09:40

Errar é conatural ao homem. Quem não erra não será humano. Poderá ser «sobre-humano». Mas o mais certo é que se torne «des-humano».

Quem presume que não erra acaba por despejar seus erros para cima dos outros. Só pela inacção se evitaria o erro.

Mas tal inacção seria o pior dos erros. Já dizia Roosevelt: «O único homem que nunca comete erros é aquele que nunca faz coisa alguma. Não tenha medo de errar, pois você aprenderá a não cometer duas vezes o mesmo erro»!

publicado por Theosfera às 00:11

Hoje, 01 de Julho, é dia do Preciosíssimo Sangue de Jesus e de Sto. Aarão.

Um santo e abençoado dia para todos!

publicado por Theosfera às 00:09

mais sobre mim
pesquisar
 
Julho 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro