O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Segunda-feira, 21 de Maio de 2012

A Europa está a atravessar uma verdadeira entorse.

Ela tem problemas comuns mas posições individuais.

De problemas comuns esperar-se-ia que resultassem soluções comuns.

Mas parece que só queremos vantagens comuns. Partilhar a resolução de problemas comuns é mais difícil.

Há quem proponha um governo comum para a Europa ou, pelo menos, um orçamento comum.

A situação dos países do sul assim o parece requerer. Mas que dirão os países do norte?

Alguém ouve falar de países que até têm a nossa dimensão territorial e a nossa população?

A Suécia, a Dinamarca e a Finlândia não serão para imitar em tudo. Mas devem servir para meditar bastante!

publicado por Theosfera às 09:56

O Padre António Vieira é um daqueles mananciais com uma torrente inesgotável. Um verdadeiro «prêt-à-penser» cuja actualidade não cessa.

Repare-se nesta observação: «Pouco conhece a riqueza da saúde quem cuida que por algum preço pode ser cara, quanto mais caríssima».

À porta do ministério da saúde não ficava mal este dito.

A saúde nunca é cara. A vida de um ser humano é que nos deve ser (sempre) cara!

publicado por Theosfera às 09:55

Kierkegaard, com o seu pessimismo impenitente, asseverou: «A porta da felicidade abre só para o exterior; quem a força em sentido contrário acaba por fechá-la ainda mais».

Quem quer a felicidade tem de a dar. Só a recebe quem a oferece!

publicado por Theosfera às 09:52

«Deus é o infinito no finito, a transcendência na imanência, o Absoluto no relativo».

Este pensamento de Hans Kung (também podia ser de Zubiri) mostra que a verdade não é encontrada apenas no mesmo. Ela pode ser reencontrada no diferente.

Em relação à verdade, a diferença não obscurece; pelo contrário, esclarece.

Deus é o distante tornado próximo.

Deus não está ao lado do Homem. Deus está dentro do Homem.

Por isso é que Ele é Pai. Ou Paizinho, como dizia Jesus ao chamar a Deus «Abba»!

publicado por Theosfera às 09:51

O ideal da unidade tropeça, quase sempre, com as pretensões hegemónicas.

Não é a primeira vez que a Europa intenta uma unidade económica e política.

O império romano também visou unificar a Europa. E, pormenor nada despiciendo, nem sequer deixou a Turquia de lado. Aliás, a capital do império chegou a ser Constantinopla.

Só que a hegemonia de Roma não teve os efeitos pretendidos e levou a que cada povo entendesse seguir os seus caminhos.

As nacionalidades recrudescem quando as pretensões hegemónicas sufocam.

publicado por Theosfera às 09:50

«Não há liberdade, há libertação».

Assim escreveu Paul Cour.

A liberdade não acontece por inércia ou por um efeito de magia.

A liberdade é um sonho e uma construção.

Miguel Torga até disse que, para ele, a liberdade era uma conquista dura da solidão.

Muitas vezes, a proximidade resulta em traficância. Até disso precisamos de nos libertar.

No fundo, todos temos de ser «eleutérios», pessoas livres, libertas!

publicado por Theosfera às 09:48

Hoje, 21 de Maio, é dia de Sto. Hospício, Sta. Catarina de Cortona, Sta. Gisela, S. Carlos José Eugénio de Manzenod e S. Cristóvão de Magallanes e seus companheiros mártires.

Um santo e abençoado dia pascal para todos!

publicado por Theosfera às 09:46

O Sporting olhou para a final como sendo o jogo de uma época. A Académica encarou a final como sendo o jogo de uma vida.

Notou-se que a vida é bem mais estimulante.

Pela vida consegue-se muito, até transcender-se, ultrapassar-se, fazendo das fraquezas forças.

Uma vez mais, o Sporting ficou à beira de uma vitória.

Cedo ficara afastado do título. Cedo ficara afastado da taça da liga.

Fcou perto da felicidade na Liga Europa e na Taça de Portugal.

Vai ter de recomeçar tudo. A época. E a vida.

Um clube grande não pode dar a impressão de que está tudo periclitante: a direcção, a continuidade deste ou daquele jogador.

A estabilidade não é tudo. Mas tem de estar presente em (quase) tudo!

publicado por Theosfera às 09:45

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9

19




Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro