O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sexta-feira, 27 de Janeiro de 2012
O amanhã chegou. Sim, aquele amanhã de que ainda ontem falávamos.
 
O amanhã tornou-se hoje. O futuro tornou-se presente.
 
E aquele dia que, ainda há poucas horas, chamávamos hoje já se transformou em passado. Tudo é mistério.
 
Mistério que (es)corre a alta velocidade...
publicado por Theosfera às 10:25

O futuro é um lugar muito belo, mas também um destino muito distante.
 
Estamos sempre a sonhá-lo e isso é bom. Mas estamos também sempre a adiá-lo e isso é preocupante.
 
O melhor contributo para o futuro é dar tudo no presente. Porque o presente é o melhor «parteiro» do futuro!
publicado por Theosfera às 10:24

Disse Joseph Joubert: «Sendo possível devemos morrer amavelmente».
 
E como não sabemos quando morreremos, o melhor é tentar também viver amavelmente!
publicado por Theosfera às 10:24

Oscar Wilde percebeu tudo: «A moderação é uma coisa fatal. Nada tem mais sucesso do que o excesso».
 
Mas o sucesso não pode ser o objectivo supremo. E é melhor ser moderado sem êxito do que excessivo com êxito.
 
A moderação é um certificado de lucidez e uma via para o bom senso.
 
De uma revolução precisamos. O Padre Manuel Antunes lobrigou-a. Trata-se da «revolução da sensatização»!
publicado por Theosfera às 10:23

«A calúnia é como uma moeda falsa: muitos que não gostariam de a ter emitido, fazem-na circular sem escrúpulos».
 
Diane Poitiers emitiu uma grande (enorme) verdade.
 
As piores calúnias são emitidas por pessoas que julgaríamos incapazes de provocar uma ferida!
publicado por Theosfera às 10:22

«Saber ler é acender uma luz no espírito».
 
Cada vez me revejo mais neste luminoso pensamento de Pearl Buck.
 
Um bom livro é a melhor oferta.
 
Ler um livro ajuda a ler a vida, a olhá-la por dentro, pelo fundo!
publicado por Theosfera às 10:21

Duas idosas encontradas mortas no seu apartamento em Lisboa. Um idoso encontrado morto em sua casa no Porto.
 
Caso para parafrasear o poeta: «Mas os idosos, Senhor, porque lhes dais tanta dor? Porque têm de sofrer assim?»
publicado por Theosfera às 10:21

Ontem deste tudo. Hoje preparas-te para tudo dar.
 
Depois de dar tudo parece não sobrar nada. Mas o milagre de cada dia é este: é possível continuar a dar depois de tudo dar.
 
Eis o milagre que Deus vai realizando em cada ser humano num único dia. No dia que se chama «hoje»!
publicado por Theosfera às 10:19

O sonho não é tudo, mas pode ser o início de muita coisa.
 
Nem tudo o que se sonha se concretizará.
 
Mas sem o sonho algo de bom se realizará?
publicado por Theosfera às 10:18

Falamos e agimos muito em função do preconceito.
 
Um preconceito é um pré-conceito, ou seja, uma tomada de posição antes de qualquer conhecimento, aproximação ou contacto. E isso só envenena o ambiente e tolda a convivência.
 
Pronunciemo-nos com base não no preconceito mas no «pós-conceito». E, mesmo assim, com as devidas cautelas.
 
Nem sempre o que apreendemos é totalmente fidedigno.
 
A. Baptista tocou no essencial. Somos subjectivos poque somos sujeitos. Só seríamos plenamente objectivos se fôssemos objectos...
publicado por Theosfera às 10:16

Um dia antes de morrer, Maria José Nogueira Pinto escreveu um artigo que é todo um programa.
 
Nele faz uma síntese que é um hino ao bom senso.
 
Dizia ela que, na vida, há que contar com o pior e esperar o melhor.
 
Um dia aquilo que esperamos superará aquilo com que contamos!
 
publicado por Theosfera às 10:15

Stéphane Hessel publicou dois opúsculos que são dois apelos.
 
Basta atentar nos respectivos títulos: «Indignai-vos» e «Empenhai-vos».
 
É que, como se diz no subtítulo deste último, «indignarmo-nos já não chega».
 
No seu interior recupera um conceito de Edgar Morin: «policrise».
 
Não há domínio nenhum que não invoque a crise. Esta é, pois, a prioridade: sobretudo superar a crise!
publicado por Theosfera às 10:12

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9

16
17
18
19

26
28



Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro