O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Quinta-feira, 21 de Julho de 2011

Será que estamos a prestar a devida atenção ao que está a ocorrer na Somália?

 

Parece longe, mas é aqui ao lado. É na nossa aldeia. Na aldeia em que se transformou o mundo...

publicado por Theosfera às 21:21

Dizem que os gostos não se discutem. Mas a mesma liberdade que preceitua as escolhas não impedirá que se analisem as mesmas.

 

Este é o tempo das festas e festivais a que nem a crise põe cobro.

 

Muitas dessas festas são dedicadas a Nossa Senhora e aos Santos, mas o que mais avulta são programações onde a qualidade é escassa.

 

Numa altura em que a alma anda descompensada e anela pela paz do silêncio, impressiona que se cultue a estridência da música e o estrépito dos arraiais.

 

Não quero execrar o que dimana da vontade das populações. Desejo apenas fazer justiça a quem ela é devida.

 

Compulsando o programa das diversas festas, o melhor é, sem dúvida, o da Festa do Avante.

 

A 35ª Festa do Avante será marcada pela segunda Gala de Ópera e associa-se à comemoração dos 35 anos de carreira dos Trovante e dos 40 anos de Sérgio Godinho.

 

Gostos não se discutem. O que não impede que os respectivos sabores sejam diferentes.

 

Refira-se que, já em 2000, a Festa do Avante assinalou, devidamente, o centenário de Bach, um autor de marcada vibração espiritual.

 

«Extrema se tangunt»?

publicado por Theosfera às 21:13

Há trinta anos, tinha eu dezasseis anos. Nesse dia 21 de Julho de 1981, eu estava a ajudar o meu Padrinho que era ecónomo e secretário do Seminário. Eram férias grandes.

 

Quando vínhamos para o almoço, ouvimos três estrondos de uma estridência supina. Houve janelas que partiram, suportes das fechaduras que tombaram e uma nuvem hiroshimiana encobriu toda a cidade.

 

Uma pirotecnia explodira. Situava-se mesmo em frente do Seminário. Várias pessoas (já não sei quantas) morreram. Vi pedaços de corpos espalhados pelas vias.

 

Foi um dia horrível. Lamego foi notícia. Por causa de uma tragédia. No dia seguinte, o Primeiro-Ministro, Dr. Pinto Balsemão, vinha à cidade inaugurar o Mercado Municipal.

 

Mas a dor da véspera tudo ensombrou. Pudera!

publicado por Theosfera às 10:30

mais sobre mim
pesquisar
 
Julho 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9






Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro