O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sexta-feira, 30 de Abril de 2010

O alarmismo nunca resolveu nenhum problema. Mas o cuidado também nunca tolheu qualquer optimismo.

 

É um facto que a situação de Portugal ainda não chegou aos níveis da Grécia.

 

A dívida da Grécia (113% do PIB) é superior à nossa (77% do PIB).

 

E até pode ser que nunca nos aproximemos desse patamar. O ciclo pode alterar-se e a situação inverter-se.

 

Mas algum cuidado é preciso ter.

 

É que o crescimento da economia é mais lento em Portugal (1,5% do PIB) do que na Grécia (3,9%).

 

Isto significa que, com o fraco desempenho da nossa economia, o mais provável é que a dívida se agrave.

 

A Grécia sofre um grave problema de finanças. Mas nós estamos a padecer de um enorme de problema de economia.

 

É preciso gastar menos. É urgente produzir mais. É fundamental que nos entendamos. E é decisivo que nos unamos.

 

E, acima de tudo, a justiça. 

 

Não se pode ter tudo, certo. Mas que os mais pobres, nesta hora difícil, não sejam (ainda mais) sacrificados. 

publicado por Theosfera às 16:04

Greves nos resíduos sólidos, nos correios, nos mineiros, na emergência médica, nos enfermeiros, na transtejo, nos camionistas.

 

A crise provoca conflitualidade.

 

Mas palpita-me que a resposta à crise irá agravá-la.

 

Compreende-se a revolta. Mas só na paz que se conseguem as respostas.

publicado por Theosfera às 11:44

As discussões dos últimos dias vão, certamente, ter um efeito.

 

A austeridade vem aí.

 

Há benefícios que vão ser retirados.

 

A dor vai ser grande.

 

E os pobres, como sempre, são quem mais a vai sentir.

 

Alguém os escutará?

publicado por Theosfera às 11:27

Há quem o acuse de ser o maior responsável pela crise actual.

 

O seu mal terá sido o de pensar muito nos outros, sobretudo nos mais desfavorecidos.

 

Sucede que o pior mal é haver muitos que só pensam em si.

 

Isto, sim, é o que provoca todas as crises.

 

No dia em que completa 61 anos de vida, deixo esta evocação acerca do Eng. António Guterres.

 

Faço-o com a independência que sempre mantive em matéria política.

 

Mas Guterres, que está a fazer um trabalho magnífico junto dos refugiados, é, acima de tudo, um homem bom, com um grande coração.

 

É isto que falta hoje. É disto que precisamos agora. De coração!

publicado por Theosfera às 11:22

O homem mais influente do mundo fala português.

 

Quem o reconhece é uma revista que fala inglês.

 

O mérito é do próprio, de Lula da Silva.

 

Mas o lastro também não pode ser totalmente ignorado.

 

O Brasil é um vulcão prestes a explodir.

 

Que o seu desenvolvimento traduza justiça para os mais desfavorecidos.

publicado por Theosfera às 11:17

Devia morar no silêncio, mas eis-me a habitar no meio das palavras.

 

Espero que as palavras sejam o sopro do silêncio.

 

Que a minha habitação não se afaste da minha morada.

 

E, acima de tudo, que não desmereça a confiança que depositam neste pobre servidor.

 

O silêncio nunca me desamparou, nunca me desiludiu, nunca me esqueceu.

 

Nunca me arrependi do que falei. Mas sempre me desvaneci com o que consegui calar.

 

Somos donos do que calamos e escravos do que dizemos.

 

Mas temos de falar. Sobretudo falar do que colhemos nas arcas do silêncio...

publicado por Theosfera às 11:13

Faltam milhões.

 

Aqui, faltam milhões de euros. A dívida é grande. As consequências ainda não são conhecidas, mas há quem vá sofrer muito.

 

Só que, em muitas latitudes, já há quem esteja a sofrer.

 

No Níger, por exemplo, dois milhões de pessoas não têm pão. Estão ameaçados de morte. Pela fome!

publicado por Theosfera às 11:11

É de manhã que começa o dia. Mas é pela tarde que se vislumbra o brilho da manhã.

 

No Colégio da Imaculada Conceição, no final de mais um dia de trabalho, conjuga-se um ambiente de muita serenidade para a Eucaristia.

 

 

À intensidade da fé junta-se a solicitude na escuta e a vibração na presença.

 

O meu testemunho de gratidão. 

 

publicado por Theosfera às 09:48

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro