O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Quinta-feira, 20 de Junho de 2013

O problema não é o desenvolvimento.

O problema é quando o desenvolvimento é só para alguns e para algumas coisas.

O problema é quando o desenvolvimento deixa de lado os mais necessitados e deixa de fora o mais necessário.

O problema é quando os mais ricos são os que mais prosperam.

O problema é quando aparece dinheiro para estádios e não aparece dinheiro para a alimentação, a educação, a habitação e o transporte.

O problema é quando o desenvolvimento não é para todos.

O problema é quando o desenvolvimento, não sendo para todos, marginaliza os que já estão nas margens.

O problema é quando o desenvolvimento, não chegando para tudo, não chega para o mais importante.

Muita atenção ao que se passa no Brasil!

publicado por Theosfera às 22:47

De Anónimo a 21 de Junho de 2013 às 00:01
Enquanto o compadrio, o amiguismo , o trafico de influências e de interesses, não forem banidos, erradicados definitivamente da sociedade, e continuarem a sobrepor-se, à transparência, à competência, à responsabilidade, ao saber, à lealdade, à integridade humana e moral, à lhaneza, à honradez, o desenvolvimento continuará a beneficiar tão somente e apenas aqueles que conseguirem penetrar naquele círculo restrito. Verificamos, lamentavelmente, que não progride nem vence o mais apto, o mais habilitado, mas o mais hábil, o mais astuto. E uma sociedade, estribada nestes pressupostos, caminha, a passos largos, para o abismo, para o caos. É inevitável.


mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro