O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Domingo, 09 de Junho de 2013

«Um amigo neutro é um amigo frio».

Charles Saint-Evremond tocou na ferida.

Certas neutralidades equivalem a um afastamento, a uma falta de amizade.

Amigo é o que opta, o que escolhe.

Se é neutro será amigo?

publicado por Theosfera às 08:40

De Anónimo a 9 de Junho de 2013 às 12:58
Se é neutro não é, obviamente, amigo. E falsos amigos desses é o que há mais, Senhor Doutor, infelizmente. E o mais grave, é que, muitas vezes, se consideram e têm-se como grandes amigos! Mas, quando é preciso defender o amigo, das calúnias que lhe fazem, das intrigas em que o enredam calam-se e, por vezes, aceitam, de forma velada, com uma atitude meio híbrida, própria mais de um inimigo do que de um amigo, as críticas que se lhe tecem. Situações há em que se convive com pessoas dessas quotidianamente, sem se aperceber do seu embuste, tal é a arte do seu disfarce .


mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro