O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sexta-feira, 30 de Novembro de 2012

Na sociedade começa a instalar-se uma sensação dominante: fadiga.

As pessoas estão saturadas desta política. Já não acreditam em quem exerce o poder.

A Carta Aberta, ontem divulgada, é um documento ecóico. Trata-se de um eco do que palpita na população.

Tudo se resume a isto: «Mudem ou mudem-se».

Só que tudo isto é atravessado pelo cruzamento entre uma certeza e uma dúvida.

As pessoas não querem que a situação continue como está. Mas as mesmas pessoas têm dúvidas de que haja condições (e vontade) de fazer diferente.

Já tantos prometeram mudanças e tudo vai continuando na mesma.

Errado. Tudo vai piorando.

Serão os políticos meros gestores da decadência?

Acredito que não o queiram ser. Mas (infelizmente) é o que parecem ser!

publicado por Theosfera às 16:14

De Alano de la Roche a 30 de Novembro de 2012 às 12:28
Estes políticos não fazem o que talvez gostassem de fazer. Fazem o que lhes mandam fazer.

São os poderosos "illuminatti", mais a sucursal dos "bilderberg" a que se junta a maçonaria, que mandam hoje no mundo.
São eles que põem e tiram governos, são eles que condicionam as políticas locais e internacionais. Repare, por exemplo, que, nas famosas reuniões anuais dos "bilderberg", aparece sempre algum convidado novo que, curiosamente, nos tempos mais próximos, virá a ter papel destacado na política do seu País. Não sei se o PM Passos Coelho esteve nalguma destas reuniões, mas Sócrates foi um dos convidados antes de assumir o cargo.

Infelizmente, são estas camarilhas satânicas que governam hoje o mundo, manipulando os políticos locais, quais títeres, manobrando as campanhas eleitorais com a dose necessária de "credibilidade", para lhes dar o aspecto democrático.

É esta mesma súcia que promove e incentiva as políticas do aborto, as guerras, etc. etc. ... para alcançarem o seu objectivo que é a diminuição da população mundial.

A propósito de aborto em Portugal, os do governo prometeram, nas campanhas eleitorais, que iriam alterar a chamada lei do aborto. Foi decerto para conquistar os votos dos católicos. Após mais de um ano de governação, já tomaram alguma medida no sentido de erradicar esse flagelo...? Nenhuma. Nem irão fazê-lo, pois isso contrariaria as ordens dos senhores do mundo... !

Por tais verdugos estamos amarrados, e dificilmente sairemos de tais garrotes !

Resta-nos confiar nas Palavras de Jesus que nos disse que estaria connosco todos os dias até à consumação dos séculos ...!




De António a 30 de Novembro de 2012 às 17:18
Vim só aqui enviar-lhe um abraço amigo, estimado Padre João António. Todos os dias leio os seus belos e luminosos textos. Sem dúvida divinamente inspirados. Por favor, continue.

De Theosfera a 30 de Novembro de 2012 às 23:35
Muito obrigado, bom Amigo. Já tinha saudades. Volte sempre. Deus o abençoe. Abraço amigo.


mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9



26


Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro