O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sábado, 11 de Agosto de 2012

O desporto parece sinalizar o triunfo da pressa. Ganha quem chega primeiro.

Mas essa é a impressão que passa. Para chegar primeiro é preciso não só talento, mas também paciência.

Correr depressa exige muito treino, muitas horas a correr, muitos anos a corrigir erros.

Há breves segundos que são construídos em muitos anos.

Não é, pois, a pressa que vence.

Como já dizia Rui Barbosa, «a pressa é inimiga da perfeição, a mãe do tumulto, da incongruência, da irreflexão e do erro».

Não vá com pressa. A obsessão de chegar antes pode levá-lo a nem sequer chegar!

publicado por Theosfera às 12:14

mais sobre mim
pesquisar
 
Agosto 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9

16
17
18

19
20
21
22
24
25

26
27
28
29
31


Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro