O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Terça-feira, 24 de Julho de 2012

Legislar nem sempre é resolver.

Legislar também pode equivaler a complicar.

O legislador pode depreender que já fez tudo.

Uma legislação pode ser um bloqueio.

Os países mais desenvolvidos primam por uma grande sobriedade neste campo. A Inglaterra, por exemplo, nem uma Constituição escrita possui.

Não digo que se copie o modelo. Mas gostaria que se meditasse no exemplo.

Antes de legislar, olhem para a realidade!

Cesare Beccaria foi muito subtil: «Parece-me absurdo que as leis, que são a expressão da vontade pública, que abominam e punem o homicídio, o cometam elas mesmas e que, para dissuadir o cidadão do assassínio, ordenem um assassínio público».

Muitas vezes, são as leis que desencadeiam dores que levam à morte.

Algumas leis podem não matar. Mas vão matando...

publicado por Theosfera às 10:30

mais sobre mim
pesquisar
 
Julho 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
hora
Relogio com Javascript

blogs SAPO


Universidade de Aveiro