O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Quarta-feira, 20 de Janeiro de 2010

É significativo (diria providencial) que a diocese de Lamego tenha um mártir como padroeiro principal.

 

S. Sebastião deu a vida pela fé. Foi alvo de ódio por causa da fé e do amor a Cristo.

 

Hoje, ele continua a inspirar a nossa conduta.

 

Não falta, com efeito, quem mantenha ódio por quem pretende viver, ainda que modestamente, a fé. E, muitas vezes, não é de fora que sobrevém tal ódio.

 

Há uma passagem do Concílio Vaticano II pouco conhecida (Lumen Gentium, 8), mas que muito me tem feito pensar.

 

Diz que Cristo salvou o mundo pela pobreza e pela perseguição. E acrescenta que é pela pobreza e perseguição que seguimos o Senhor.

 

Os mártires assim o mostram. E o nosso testemunho assim o há-de demonstrar.

 

Enzo Bianchi alerta que a humanidade precisa mais de testemunhos do que de depoimentos.

 

Testemunha em grego diz-s martyr. E já Sto. Agostinho assinalava que caminhamos nesta vida entre as perseguições do mundo e as consolações de Deus.

 

Os santos são os maiores mestres e os únicos heróis.

publicado por Theosfera às 11:39

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9






Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro