O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Terça-feira, 19 de Janeiro de 2010

Ali Agca foi libertado da prisão. E fez revelações que estão estampadas na imprensa.

 

Declarou ser o messias. E tem razão. Messias é ungido. Como todos os seres humanos, também este irmão está ungido por Deus.

 

Apesar de ter tentado matar o Papa, não deixa de estar tatuado por Cristo. O problema é que nem sempre os actos correspondem à nossa identidade.

 

Este é um problema dele, de Agca. E é um (momentoso) problema nosso.

publicado por Theosfera às 13:26

De António a 19 de Janeiro de 2010 às 13:55
"O papa polaco foi um homem excepcional, maravilhoso. Wojtyla é o homem símbolo do Evangelho do amor, que agora é traído por milhões de falsos cristãos prisioneiros de ódio e rancor", afirmou Agca...

De Anónimo a 20 de Janeiro de 2010 às 17:39
Foi o Cristo vivo do Século XX . Saibamos seguir o seu exemplo. Não o esqueçamos.


mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9






Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro