O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Domingo, 04 de Dezembro de 2011

Sócrates é, desde a antiguidade, nome de sábio, de político, de artista.

 

Hoje morreu um Sócrates que, tendo esses predicados, passeava classe pelos relvados.

 

O futebol, para ele, era uma espécie de partitura. Pertenceu, talvez, à melhor selecção que nunca ganhou um título mundial.

 

O excesso de confiança diante da Itália de Paolo Rossi seria fatal. Mas o perfume derramado pela equipa do Brasil em 1982 ainda hoje se faz sentir.

 

Ainda era muito novo para partir. Mas alguma vez será tarde para morrer?

publicado por Theosfera às 19:10

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9

12




Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro