O acontecimento de Deus nos acontecimentos dos homens. A atmosfera é sempre alimentada por uma surpreendente Theosfera.

Sexta-feira, 06 de Dezembro de 2013

Hoje em dia, o principal (a bem dizer, único) requisito para ser líder é a ambição.

Mas isso cega os próprios e prejudica os outros.

Faria bem voltar a Cícero e anotar as qualidades que ele estampava no líder.

Assim, o líder deve ter elegância, integridade, inteligência, coragem, moderação e generosidade.

E, como corolário, deve perceber que o compromisso é fundamental para conseguir resolver as coisas!

publicado por Theosfera às 10:46

As maiores lições não vêm da cátedra nem se encontram nos livros. As maiores lições vêm pela vida.

A vida de Nelson Mandela é um cúmulo de ensinamentos imperecíveis. Como quando nos dizia: «Estás nas vossas mãos fazer do mundo um mundo melhor».

Para isso, é mister respeitar a identidade de cada um. Daí a sua confissão: «Eu prezo muito a minha liberdade, mas prezo ainda mais a vossa».

É que «eu só sou um ser humano se tu fores um ser humano. Eu só sou um ser humano se for humano contigo».

publicado por Theosfera às 10:28

A ilusão não é boa conselheira. Mas, infelizmente, há quem se deixe conduzir por ela.

Convinha que atentássemos neste aviso de Goethe: «Ninguém é mais escravo do que aquele que se julga livre sem o ser»!

publicado por Theosfera às 10:17

Começamos a morrer desde que nascemos.

Mas a nossa relação com a morte vai mudando com o tempo.

Maurice Chapelan notou: «Na juventude, pensamos na morte sem a esperar; na velhice, esperamo-la sem nela pensar».

E, no meio da vida (se é que a vida tem meio), vamo-la esperando e pensando nela!

publicado por Theosfera às 10:06

Criar não é apenas expressar. É também (e bastante) dar voz ao que, aparentemente, não tem expressão.

Clarice Lispector percebeu notavelmete: «Manifestar o inexpressivo é criar».

Sem dúvida!

publicado por Theosfera às 10:02

Às vezes, o desejo do óptimo impede-nos de reparar no bom que temos à nossa disposição.

Pensemos na felicidade, por exemplo.

Florbela Espanca assinalou: «A felicidade na vida é já uma coisa tão restrita e quase convencional que tirar da vida uma parcela mínima desse luzente tesoiro, tão ambicionado e tão quimérico, é a maior das loucuras humanas».

Passamos a vida a lutar pelo máximo de felicidade. E acabamos por não dar conta de que ela se encontra em pequenos momentos, quase sempre emoldurados por muitas dores.

No meio dessas dores a felicidade espreita. E nós estamos desatentos!

publicado por Theosfera às 09:55

Hoje, 06 de Dezembro, é dia de S. Nicolau, S. Sabas, Sta. Dionísia e S. Majórico.

Um santo e abençoado dia para todos!

publicado por Theosfera às 00:00

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9





Últ. comentários
Sublimes palavras Dr. João Teixeira. Maravilhosa h...
E como iremos sentir a sua falta... Alguém tão bom...
Profundo e belo!
Simplesmente sublime!
Só o bem faz bem! Concordo.
Sem o que fomos não somos nem seremos.
Nunca nos renovaremos interiormente,sem aperfeiçoa...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
Sem corrigirmos o que esteve menos bem naquilo que...
online
Number of online users in last 3 minutes
vacation rentals
citação do dia
citações variáveis
visitantes
hora
Relogio com Javascript
contador
relógio
pela vida


petição

blogs SAPO


Universidade de Aveiro